Última Edição
Janeiro/Março 2020
Janeiro/Março 2020

Saúde

Especialistas em sangue se encontram em Passos

  •  

    Dr. Flávio Ribeiro Campos - Coordenador do Núcleo Regional de Passos.
    Dr. Flávio Ribeiro Campos - Coordenador do Núcleo Regional de Passos.

     

    A Fundação Hemominas realiza nos dias 22 e 23 deste mês, em Passos, o 6º Simpósio Hemominas de Transfusão Sanguínea de Minas Gerais. São esperados entre 350 e 400 profissionais da área da saúde para participar do evento voltado ao intercâmbio de informações técnicocientíficas relacionadas ao sangue. Ao mesmo tempo, estará acontecendo o 4º Encontro das Agências Transfusionais e Assistências Hemoterápicas do Núcleo Regional Hemominas de Passos. Ambos os eventos serão realizados na Câmara Municipal de Passos, das 8h30 às 18h, durante dois dias.

    O coordenador do Núcleo Regional de Passos, médico Flávio Ribeiro Campos, conta que renomados especialistas em Hemoterapia e Hematologia de Minas Gerais e profissionais de 23 unidades do Hemominas espalhadas nas diversas regiões do estado estarão participando do simpósio. Esta será a primeira vez que Passos - e até mesmo o Sul de Minas - sedia o evento, desde sua instituição em 2007.

    O município foi indicado no final do 5º simpósio, ocorrido no ano passado em Montes Claros, pela própria presidente da Fundação Hemominas, Júnia Guimarães Mourão Cioffi, que recebeu apoio dos demais participantes e o “sim” do coordenador de Passos. “Essa vai ser uma oportunidade para os profissionais da área da saúde atualizarem seus conhecimentos em transfusão de sangue, hemoglobinopatias e coagulopatias”, explica Flávio Campos, observando que todos os temas a serem abordados são fundamentados em trabalhos publicados em revistas científicas nacionais e internacionais.

    “E a Fundação Hemominas está na vanguarda da hemoterapia, mas quer ficar cada vez melhor na busca do conhecimento, para continuarmos a reduzir os riscos transfusionais e oferecer um produto que faz uma diferença enorme no tratamento”, disse. “Com o sangue a gente não pode pensar em errar. A nossa meta de erro é zero e a de acerto, 100%. É isso que estamos buscando”, acrescentou.

     Através dos simpósios, a Fundação Hemominas vem promovendo treinamento contínuo de médicos, enfermeiros, bioquímicos, técnicos e estudantes de cursos universitários em saúde, trazendo informações novas sobre os procedimentos e as questões legais que envolvem a transfusão sanguínea. O objetivo é transmitir conhecimentos para que o sangue tenha uma utilização racional, com toda a segurança para o paciente. Assim, assuntos como hemovigilância, indicações transfusionais, laboratório em hemoterapia, ética e responsabilidade médica estarão na pauta do simpósio.

    A hemovigilância transfusional é uma espécie de monitoramento feito após o recebimento do sangue pelo paciente para que qualquer reação adversa (uma alergia, por exemplo) possa ser imediatamente investigada, evitando assim, riscos mais sérios. No aspecto ético-legal é exigido do profissional um compromisso em relação a sua responsabilidade sobre o tratamento.

    “O médico que prescreve o sangue é o responsável pela indicação da transfusão, e a Fundação Hemominas é corresponsável”, disse o Dr. Flávio, alertando que uma prescrição inadequada pode significar uma reação transfusional ou a perda de uma bolsa de sangue, que algum cidadão doou com toda boa vontade.“

    .
    .

     

    Também serão abordadas no simpósio questões ligadas às hemoglobinopatias e às coagulopatias hereditárias, que são doenças do sangue para as quais os especialistas vão trazer informações atualizadas. A doença falciforme, que é uma hemoglobinopatia, terá abordagens em relação à gravidez e a casos de emergência. As coagulopatias são alterações na coagulação do sangue, como por exemplo, a Hemofilia. No simpósio, serão abrangidos desde o tratamento até as novas propostas do Ministério da Saúde para um programa voltado aos pacientes hemofílicos.

    A programação do 6º Simpósio Hemominas de Transfusão Sanguínea inclui o “Momento Hemominas de Enfermagem”, em que todos os aspectos do procedimento transfusional serão discutidos com os profissionais de enfermagem. Segundo o coordenador do Núcleo de Passos, essa categoria é muito importante para o sucesso do tratamento, já que representa a ligação entre o médico e o paciente. “O acompanhamento do ato transfusional pela enfermagem é de fundamental importância para o sucesso do procedimento”, disse Flávio Campos.

    Os médicos e profissionais de laboratório também terão um momento especial no simpósio. Haverá informações específicas sobre técnicas de exames transfusionais, bem como da garantia da qualidade, do registro e da rastreabilidade. Isso significa que toda bolsa de sangue deve ser devidamente documentada, para que a Fundação Hemominas tenha controle total sobre o armazenamento, transporte e destino de todos os componentes do sangue (plasma, plaquetas, crioprecipitado e concentrado de hemácias).

    Segundo o médico, o Núcleo Regional Hemominas de Passos abastece 17 hospitais em 16 cidades da região. Todos os interessados da área da saúde em participar do simpósio e do encontro das agências regionais devem se inscrever no site da Fundação (no endereço www.hemominas.mg.gov.br). Somente da Fundação Hemominas é aguardada a participação de pelo menos 100 profissionais, sem contar a presença esperada das diversas categorias de profissionais de hospitais e outras unidades de saúde de toda a região.

    Para realizar o evento, o Núcleo contou com o apoio de diversos parceiros e patrocinadores, dado a importância das informações, treinamento e troca de experiências entre os profissionais da saúde que lidam com sangue para a evolução da eficácia do tratamento dos pacientes. “Esse é o maior evento da área médica que já ocorreu em Passos”, ressalta o coordenador Flávio Ribeiro Campos (veja no quadro da página seguinte a relação dos conferencistas e dos temas do simpósio). 

     

     

    Enio Modesto

     

     

    VI SIMPÓSIO HEMOMINAS DE 

    TRANSFUSÃO SANGUÍNEA - PASSOS MG

     

     

    22 DE AGOSTO – QUARTA FEIRA 

    Tema: O USO RACIONAL DO SANGUE

     

    08h30min – Abertura solene

                          Júnia Guimarães Mourão Cioffi – Belo Horizonte – MG

    Palestra: Perspectivas futuras e desafios para o uso racional do sangue Moderador: Flávio Ribeiro Campos – Passos – MG - Palestrante: Júnia Guimarães Mourão Cioffi – Belo Horizonte – MG

     

    MESA REDONDA 01    O uso racional do sangue em situações clínicas específicas - Moderador: Marcel Resende Lopes – Santa Casa de Misericórdia de Passos

    Hemoterapia na Emergência: Transfusão Maciça - Palestrante: Renato Cassiano da Silveira _ Santa Casa de Passos – MG

    Hemoterapia no paciente com CIVD - Palestrante: Sheila Soares – Uberaba – MG

    Hemoterapia no paciente renal crônico - Palestrante: Daniela Werneck – Juiz de Fora – MG

     

    MESA REDONDA 02    O uso racional do sangue no paciente onco/hematológico - Moderador: Audir Ribeiro de Abreu Júnior – Passos – MG

    Hemoterapia no paciente oncológico - Palestrante: Ricardo Vilas Freire de Carvalho – Belo Horizonte – MG

    Hemoterapia no paciente transplantado de medula óssea - Palestrante: Leandro Dutra – Juiz de Fora – MG

    Hemoterapia para pacientes fenotipados, não fenotipados e                                                                 aloimunizados - Palestrante: Luciana Cayres– Belo Horizonte-MG

     

    MESA REDONDA 03   Estratégias para o uso racional do sangue  Moderador: Fernando Basques – Belo Horizonte – MG

    Gerenciamento de Estoques / Estoque Estratégico - Palestrante: Ricardo Vilas Freire de Carvalho – Belo Horizonte – MG  

    Gerenciamento de risco em transfusão - Palestrante: Mário Soares de Azevedo Neves – Belo Horizonte - MG

     

    MESA REDONDA 04   Hemovigilância Transfusional -  Moderadores: Raquel Baumgratz Delgado – Belo Horizonte – MG e Giovanni Borges – Patos de Minas – MG 

    Reações Transfusionais Imediatas: alérgica e febril não hemolítica  Palestrante: Marta Magda Martins – Governador Valadares – MG 

    Reação Transfusional Hemolítica Aguda - Palestrante: Paulo Henrique Ribeiro Paiva – Uberlândia – MG

    Trali - Palestrante: Ricardo Aparecido Olivo – Uberaba – MG

    Reação Transfusional por Contaminação Bacteriana - Palestrante: Flávia Naves Givisiez – Belo Horizonte – MG 

    Notificação de Reações Transfusionais - Palestrante: Claudielena Barbosa Gimenez – Sete Lagoas – MG

    Implicações éticas e legais do ato transfusional - Palestrante: Magda Bonfim – Belo Horizonte – MG

     

    23 DE AGOSTO – QUINTA FEIRA 

    Tema: HEMOGLOBINOPATIAS E COAGULOPATIAS

     

    MESA REDONDA 05    Doença Falciforme - Moderador: Rosimere Afonso Mota – Montes Claros - MG

    Painel sobre Doença Falciforme  - Palestrante: Célia Maria Silva – Belo Horizonte – MG

    Gravidez na Doença Falciforme  - Palestrante: Patrícia Resende – Belo Horizonte – MG

    Hemoterapia: particularidades na Doença Falciforme - Palestrante: Andrea Brito – Belo Horizonte – MG 

     

    MESA REDONDA 06   Coagulopatias hereditárias - Moderador: Myriene Brasileiro – Governador Valadares – MG 

    Doença de Von Willebrand: como diagnosticar e tratar  - Palestrante: Maria Sueli Namen Lopes – Belo Horizonte – MG

    Abordagem integral no atendimento ao hemofílico  - Palestrante: Ana Tuyama – Belo Horizonte – MG

    Hemofilia: novas propostas do programa de coagulopatias hereditárias do Ministério da Saúde: Palestrante: Mitiko Murao – Belo Horizonte – MG

     

    MOMENTO HEMOMINAS – ENFERMAGEM

     

    Palestrante: Thaís de Souza Borges

     

    MOMENTO HEMOMINAS – MÉDICOS E PROFISSIONAIS 

    DE LABORATÓRIO

     

    Abertura - Fernando Valadares Basques – Belo Horizonte – MG

    Palestra: Abordagem das técnicas de fenotipagem RhD/pesquisa de D fraco - Moderador: Fernando Basques (ADC) -  Palestrante: Luciana Cayres (HBH)

     

    Palestra: Desafios da rotina imuno-hematológica de paciente: conduta frente aos problemas encontrados.  - Moderador: Ângela Melgaço (HBH) - Palestrante: Giovanni Borges (PMI)

     

    MESA REDONDA 07   Garantia de qualidade -  Moderador: Jefferson Luiz Pereira (PAS)

    Registros e Rastreabilidade  - Palestrante: Cristian Guimarães de Freitas (JFO)

    Transporte e armazenamento de hemocomponentes - Validação  Palestrante: Flávia Naves Givisiez- Belo Horizonte – MG

    Controle de qualidade dos reagentes imuno-hematológicos -  Palestrante: Ângela Melgaço- Belo Horizonte- MG

     

    17h00min-Encerramento e Coffee Break

    © 2019 Foco Magazine. Todos os direitos resevados.