Última Edição
Jul / Ago 2019
Jul / Ago 2019

Assinatura Online

Recebe a última edição da
Foco Magazine no conforto
de seu endereço!

Confissões de Adolescentes

Você se considera Patricinha ou Mauricinho?

  • Patricinhas e mauricinhos vivem em grupinhos e sempre estão bem arrumadinhos. O lugar
    mais comum para identifi car um deles é no shopping, sua segunda casa, sempre rodeados de
    amigos, muito bem educados e respeitados pela maioria das pessoas. Mas como em Passos e nas cidades vizinhas não há shoppings, é no colégio, geralmente, o lugar onde eles deixam bem claro que são pattys e mauricinhos, pois vivem inventando moda e usando roupas diferentes dos demais
    colegas. A maioria das pessoas abomina-os, mas existem muitos deles por aí. Agora a gente quer
    saber de você. Você se considera uma patricinha/mauricinho? Já foi algum dia? O que acha deles?

    “Se ser patricinha é nunca usar roupas da C&A, então nunca fui. Pra ser sincera acho ridículo ser patricinha e mauricinho. São garotas e garotos fúteis que só pensam em comprar roupas e esquecem o principal que é cuidar da mente!”, diz Bianca, de 15 anos (nome fictício).

    “Uso roupas normais mas também gosto de roupas de marcas. Ah! Acho que hoje não tem mais essa coisa de patricinha e mauricinho, não!”, acredita Luana, de 16 anos (nome fictício).

    “Não sou, mas acho ótimo minhas amigas que são porque elas me dão super dicas de moda e são divertidíssimas. O importante na minha opinião é ser a gente mesma, ser original, o resto é resto!”, diz Sabrina, 15 anos (nome fictício).

    “Não me considero mauricinho, gosto de andar na moda mas também não sigo muito as tendências. Acho que esse conceito de ser mauricinho ou patricinha está um pouco ultrapassado. Lógico que há ainda alguns, mas a grande maioria não é mais assim!”, conta Flávio, de 16 anos (nome fictício).

    “Tive uma fase que era bem enjoado, exigia dos meus pais roupas e tênis de marcas; essas coisas. Mas hoje prefiro investir em objetos mais interessantes como um bom videogame ou acessórios para o computador. Acho que tudo é uma questão de fase, mas que todos já foram um dia mauricinhos e patricinhas, disso eu tenho certeza!”, fala César, de 16 anos (nome fictício).

    © 2019 Foco Magazine. Todos os direitos resevados.