Última Edição
Janeiro/Março 2020
Janeiro/Março 2020

Saúde

A luta contra o vício - ed. 65 - setembro/2010

  • O avanço da dependência química entre jovens no Brasil é uma realidade alarmante. As estatísticas mostram a evolução do problema que abrange homens e mulheres. Com esses dados em mãos, o Centro de Formação São José Promoção da Família, em Carmo do Rio Claro, inaugurou há um mês o Centro de Recuperação Recanto São José – Comunidade Terapêutica Feminina para Menores, que atenderá adolescentes entre 12 a 17 anos. O trabalho seguirá os 12 Passos dos Narcóticos Anônimos e o processo de desintoxicação e conscientização é feito sem o uso de medicamentos.

    .

    Sediado na zona rural do município carmelitano, no bairro rural da Cachoeira, há 21 km da cidade, o Centro de Recuperação tem capacidade inicial para oito internas. Está em construção alojamentos para atender uma demanda de 30 meninas. O Centro de recuperação deverá ser pioneiro no Brasil pelo atendimento de mulheres em faixa etária específica, do período de transição entre a pré-adolescência e adolescência, que abrange as idades entre 12 a 17 anos e nove meses.

    O Centro de Recuperação tem hoje a casa sede para o acolhimento das internas, a casa da coordenadora e outra casa para os caseiros, galpão para palestras e oficinas, refeitório. A Coordenadora do projeto, Iza Maria Torres, tem mais de 30 anos de experiência na área, trabalhava no Estado de São Paulo e veio para Minas Gerais para coordenar esse projeto. Segundo Iza, as adolescentes passarão por um processo, onde dirão não ao vício sem se sentirem culpadas. Ainda conforme Iza, um dependente químico maltrata 34 pessoas a sua volta incluindo pais, irmãos, parentes e amigos.

    O processo de internação seguirá o critério da vontade, quando a adolescente sente a necessidade de ajuda para superar a doença. Antes da internação adolescente e responsável passarão por uma entrevista.  O programa que é terapêutico-educativo será baseado na teoria e prática de aprendizagem onde todos os membros participarão ativamente, colaborando umas com as outras, promovendo maior intercâmbio, a socialização e companheirismo.

    Com base nos princípios da espiritualidade, disciplina e trabalho, o programa de recuperação será desenvolvido em nove meses. O trabalho inclui processo de conscientização sobre a dependência química como doença e prevê a recuperação física, emocional, espiritual e a ressocialização.

    Para se chegar ao resultado esperado, a Comunidade Terapêutica organizou o seu programa com atividades de meditação, atividades físicas, palestras de autoconhecimento, oficinas de artesanato e terapia grupal através do Grupo Sentimento, onde as meninas falam sobre as atividades e sentimentos.

    Através dos 12 Passos dos Narcóticos Anônimos são trabalhados os talentos, as qualidades, os sonhos, objetivos e metas. Depois dos nove meses de tratamento, as meninas passarão três meses em Casa de Apoio, que ainda será criada, para o período de ressocialização e preparação para a entrada no mercado de trabalho, através de atividades no Centro de Formação São José.

    Além do trabalho de recuperação das adolescentes, o Centro de Recuperação fará também tratamento com os familiares que também sofre com o vício de seus membros. Para isso haverá encontros aos domingos para visitação das internas, palestra, terapia de apoio e confraternização.

    Centro de Formação São José Promoção da Família

    Fundado há 10 anos pela Irmã Maria da Conceição Alves Almeida, o Centro de Formação tem como missão a evangelização e a ação social, através de assistência às crianças e suas famílias. O projeto incluiu a alimentação de crianças em período escolar e atividades como cursos para o desenvolvimento dos jovens através da arte e de formação profissional.

    Iniciado com o suporte na alimentação das crianças e das famílias, o Centro de Formação cresceu nos últimos anos, construiu sede própria onde desenvolve aulas de violão, música, dança, balé clássico, capoeira, karatê, artesanato. Na nova sede são atendidas diariamente 85 crianças, além do sopão que é servido às famílias um dia na semana. Na sede ainda há bazar permanente, salão de aluguel para festas com ampla cozinha, capela para missas, salas para atendimento médico, odontológico e psicológico, alfabetização de adultos e telecentro comunitário.

    Como a instalação de um centro de recuperação era um dos sonhos da Irmã, ao receber como doação uma fazenda não mediu esforços para a realização do projeto. “Nossa entidade que já trabalhava há nove anos com crianças e adolescentes viu-se impossibilitada de atender tanto vítimas como suas famílias. O que apareceu como uma luz no fim do túnel foi à doação desta fazenda. Neste local nossa entidade desenvolverá trabalhos na linha de terapia exercitando, cotidianamente, a adolescente com novos métodos e uma maior sociabilização através de programas e projetos todos eles amparados pela Lei 8.069/90, “Estatuto da Criança e do Adolescente”, quer em situação de risco e ou vulnerabilidade social”, disse Irmã Conceição. O Centro de Formação tem 23 funcionários e 150 voluntários.

    Contato e informações:
    (35) 9985-1094  /  9942-0102

    Centro de Recuperação Recanto São José - Comunidade Terapêutica Feminina para Menores, que atenderá adolescentes entre 12 a 17 anos, em Carmo do Rio Claro.
    Centro de Recuperação Recanto São José
    .

    © 2019 Foco Magazine. Todos os direitos resevados.